Você acabou de assumir o cargo de síndico e já recebeu seu primeiro desafio: um dos condôminos quer realizar uma reforma. Se você está com esse problema, temos um bom ponto de partida: o laudo de reforma do apartamento!

Uma reforma de apartamento, por menor que seja, quase sempre necessita de um laudo técnico. Neste post, você vai entender muito bem do que se trata e por que ele será útil para você começar com o pé direito.

O que é laudo de reforma do apartamento

É um documento, fornecido por um profissional habilitado, que garante a segurança na obra a ser realizada no apartamento e explica como será executada. Ele vai embasar o “Plano de Reforma”, que contém a previsão dos impactos daquela obra na estrutura do condomínio, de modo que ocorra sem afetar a segurança dos outros moradores.

Conforme dispõe a recém-editada norma NBR 16.280, nas reformas em apartamentos a documentação técnica é de responsabilidade do proprietário da unidade. Ele deve encaminhar ao síndico, que é o responsável legal da edificação, todos os documentos que comprovam o atendimento da legislação. Após isso, cabe ao síndico a conferência dos documentos e o acompanhamento da obra, autorizando a entrada de pessoas e verificando a execução dos planos.

Como conseguir o laudo

Para conseguir o documento, o proprietário deve contratar uma empresa especializada em reformas prediais apta a fornecer o laudo técnico, subscrito por um engenheiro ou arquiteto, com as especificações dos materiais que serão utilizados e o cronograma da obra, além dos impactos na estrutura.

A contratação de uma empresa com forte atuação no mercado é a maneira mais rápida e segura de conseguir o laudo de reforma do apartamento.

A importância do laudo

O laudo de reforma é de extrema importância para o síndico, pois, caso o proprietário do apartamento não o providencie, o responsável pela edificação pode responder civil e criminalmente por qualquer acidente ocorrido em razão da obra.

Além disso, contar com uma consultoria profissional para o fornecimento do laudo técnico ajuda a prever melhor os custos da obra e o seu tempo de duração, facilitando a fiscalização pelo síndico. Não realizar um laudo antes de uma obra de condomínio é o famoso “barato que sai caro”.

A responsabilidade do síndico

Apesar de a nova norma ter repassado boa parte da responsabilidade ao proprietário do imóvel, muitas das responsabilidades do síndico ainda persistem antes, durante e após a realização da obra. Receber a documentação técnica do proprietário, encaminhá-la para a análise, aprovar ou não as solicitações feitas pelos responsáveis pela obra, além de comunicar a todos sobre o andamento dos trabalhos, tudo continua sendo tarefa dele.

Assim, vê-se claramente que o laudo de reforma do apartamento é imprescindível ao bom andamento de qualquer obra realizada em edificações. É, sem sombra de dúvida, a segurança de uma obra bem-feita, dentro do orçamento e sem acidentes, e com o reconhecimento de que o síndico realmente se preocupa com o bem-estar de todos.

Está precisando de um laudo técnico para reformas no seu prédio? Entre agora em contato com a Foco Consultt e tenha uma consultoria profissional a seu lado, que vai fazer da sua obra um verdadeiro sucesso!

Deixe seu comentário

Your email address will not be published.